Pesquisa por voz: entenda a importância dessa tendência

Pesquisa por voz: entenda a importância dessa tendência

Relatório do Marketing de Influência
Relatório do Marketing de Influência
11/12/2018
campanhas de remarketing
5 erros que você comete ao fazer campanhas de remarketing
09/01/2019
pesquisa por voz

As pesquisas por voz têm aumentado consideravelmente nos últimos anos e suas formas de produzir conteúdo otimizado também

A pesquisa por voz pode mudar a forma como você encara o seu telefone, seu consumidor e – também – a produção de conteúdo da sua empresa.

A quantidade de buscas através de dispositivos móveis superou as que são feitas por desktops, isto é uma realidade. A novidade agora é que o uso de interfaces de conversação está em crescimento.

Além disso, um estudo da Gartner prevê que a tendência se popularize ainda mais no período entre os próximos 5 e 10 anos.

Mas como funciona a pesquisa por voz?

Boa parte dos smartphones já vêm com assistentes virtuais adaptados para a pesquisa por voz.

Se o seu sistema operacional for Android, experimente fazer um teste: pegue o seu telefone, desbloqueie a tela e diga “Ok, Google”.

Se o app estiver configurado, você poderá fazer qualquer pergunta ou solicitação em voz alta que a solução surgirá na sua tela.

Parece magia, mas é tecnologia, já dizia a Feiticeira. 🙂

O aumento da pesquisa por voz é tão significativo que várias empresas de tecnologia criaram os seus próprios aplicativos que compreendem comandos por voz:

  • Cortana, para o Windows;
  • Google Assistant, disponível para várias plataformas;
  • Google Now, para quem usa Android;
  • Siri, para os usuários de iOS.

pesquisa por voz

Existem, ainda, assistentes de voz que ultrapassam a tela do telefone.

O Amazon Echo e o Google Home, por exemplo, são dispositivos acionados por voz que reproduzem músicas.

Além disso, também fornecem informações sobre o tempo e o trânsito. Além de mais um monte de funcionalidades inteligentes que podem ser configuradas pelos usuários.

Para se ter ideia, a estimativa, de acordo com o TechCrunch, é que os alto-falantes estejam em 55% das casas. Isso até 2022.

Agora é aquela hora em que você se pergunta: mas o que o meu negócio tem a ver com isso? Tudo! As novas tecnologias exigem técnicas e estratégias para que o site da sua empresa alcance ou siga no topo das buscas.

Como otimizar o conteúdo para pesquisa por voz?

Primeiro, é preciso entender como o maior buscador da internet se relaciona com a tecnologia.

O Google tem conseguido resultados satisfatórios nas atualizações referentes às buscas por voz. A grande virada aconteceu quando o sistema passou a “entender” a linguagem natural.

Esta diferença na “percepção” é bem importante por conta do comportamento dos usuários. Em consultas escritas, é normal que a procura seja feita por termos do tipo: flores vila mariana são paulo.

No caso das buscas por voz, é mais provável que a pergunta seja: onde comprar flores na Vila Mariana, em São Paulo?. Ou, ainda: onde comprar flores por aqui?

Estamos diante de um sistema tão inteligente que consegue perceber o contexto, a intenção ao realizar uma pesquisa e a localização exata do usuário.

Parece complexo, mas com três medidas simples você manterá a presença da sua empresa nos mecanismos de pesquisa por voz.

Confira:

1. Cadastre-se no Google Business

Este é um recurso do Google voltado para negócios, onde você pode cadastrar informações como endereço, telefone, horário de funcionamento e até inserir imagens.

Se o seu estabelecimento for físico, é uma boa oportunidade para aparecer em consultas sobre os pontos comerciais da região.

2. Aposte nas perguntas mais frequentes

Descubra quais as dúvidas que os seus consumidores têm sobre o seu negócio. Depois, deixe as respostas disponíveis no seu site ou redes sociais.

O algoritmo busca o contexto e a intenção, por isso, ter um conteúdo com uma proposta de conversa é uma boa estratégia.

3. Invista nos featured snippets

Sabe aqueles cartões de respostas que aparecem nos resultados do Google? É a famosa “posição 0”. Pois bem, alguns assistentes de voz leem exatamente as informações que aparecem ali.

E para ficar posicionado antes do primeiro não tem mistério: marketing de conteúdo.

Para isso, ofereça materiais de qualidade sobre o seu negócio, a área de atuação e outros assuntos relacionados que podem despertar a curiosidade do seu cliente.

A pesquisa por voz não vai eliminar a busca digitada

Mas tudo indica que os usuários passarão a se informar por múltiplos canais e que o consumo de informações será cada vez mais diversificado.

A chave é estar sempre atento às tendências e saber absorver o que é relevante para o seu negócio.

Conte com uma agência especializada para elaborar o plano estratégico da sua empresa e oferecer ao seu público as respostas exatas pelos questionamentos.